terça-feira, 6 de janeiro de 2009

No dia em que o Rei faz anos

Blogue Rei dos Leittões: há três anos a dizer a mesma coisa.
Em 2006 o prefácio era assim:
Escrevo, de lágrimas no bolso, como uma criança que faz um boneco e pensa que este vê porque lhe desenha olhos no rosto! E para que mais pode servir a inteligência a quem é piolho da sua própria cabeça e todos os dias se senta à mesa para se comer a si próprio?!

No primeiro de 2007 foi assado:
Palmas para o autor da frase:
"José Sócrates é o melhor primeiro-ministro desde 25 de Abril e o segundo melhor desde 28 de Maio"

Em 2008 as mesmas tretas:
Dia 6, agora, este blogue faz 2 anos, pela forma mais recente até parece que se quer transformar num diário. Não permitirei! Será sempre um blogue sem linha, sem projecto, sem orientação! Aliás, como a personagem que o governa, como o autor da personagem, como a empresa onde trabalha e o país onde vive o autor da personagem.

Em 2009, seguindo o mote re-té-té-téu de que nada há nada para falar:

Falar de mim?! Para quê se estou despido!? Já ninguém gosta de toucinho, dizem que faz mal ao colesterol!...

Falar da crise? Qual crise?! Dessa crise que inventaram para submeter os que apenas têm a ver com ela o facto de serem o seu objecto, qual porco que é o centro da festa da matança sem saber que crime cometeu? Que culpa podem atirar aos que vivem para sobreviver? O que se lhes pede? Sacrifícios? O único sacrifício que se lhes pode pedir é a morte! Mas, como ninguém estará disposto a morrer para servir de churrasco nos vossos banquetes, estaremos condenados ao confronto!
- O quê!? Pareceu-me ouvir “Só queremos fazer um petisco com os vossos tomates!” A mim quem me tocar nos tomates leva com tudo!

Falar de Sócrates?! Qual Sócrates?! A minha terra é adubada com a minha própria obra! Nada me renderá a um país que levou ao pódio o epitáfio da sua cultura! (Se alguém me transcrever num comentário, um pensamento, uma ideia, uma linha que tenha sido escrita por esse homem (que não seja uma página A4 de inglês técnico!), eu fecho imediatamente este blogue! E olhem que me custará muito se for essa a sorte!

Falar da luta?! Não, as gentes do lado mais ocidental são mesmo assim! 48 anos! 48 anos conformados até que meia dúzia de soldados descontentes lhe abriram as ruas para respirarem! Afinal de contas, contra, mesmo contra, “meia dúzia de líricos, meia dúzia de líricos que acabavam todos a fugir para o estrangeiro!”(“” José Mário Branco FMI).
E agora?! Meia dúzia de líricos que se/nos confortam/os no exílio da silenciosa ou silenciada blogosfera! Estamos à espera de quê?!

É verdade que nas ruas já se luta ordeiramente!
“Eh pá não concordo nada com esse cartaz que levas aí! / Eh pá os gajos que vão lá à frente são comunistas! / Eh pá os gajos entenderam-se com o governo em não sei quê! / Eh pá só concordo se formos por aquela rua! / Eh pá os gajos dos sindicatos não trabalham! / Eh pá eu é que sei! “
Deixem-se dessa merda pá! Já que não se podem unir na hora da vitória, unam-se ao menos no tempo do combate! Depois?! Depois, lutaremos uns contra os outros até se chegar a não sei onde! Pronto! Também não posso falar disto!

Falar de Gaza?! Estou farto dessa guerra, de Deus, Jeová, Alá!... Já toda a gente percebeu que ninguém vencerá! Já toda a gente percebeu que não se pode estar de nenhum lado nem em lado nenhum! Já toda a gente percebeu que não percebe nada do assunto! Pronto, eu por princípio, fico sempre do lado do mais fraco mesmo que não saiba qual ele é!

É por estas e por outras que eu faço questão de, neste terceiro aniversário deste reinado, não falar de nada! Estão para aí a ler estas linhas, para quê?! Alegrem-se porra! Isto é uma festa de anos!! Cantem-me os parabéns por detrás desses monitores manchados de gafanhotos! Se não me querem cantar a mim cantem os Reis que hoje é dia deles!..
Vou cumprir a festa respondendo, tanto quanto possível na hora, a todos os comentários. Se alguém me enviar presentes postáveis irão sendo desembrulhados neste post.
E, por agora, vou continuar a cumprir o propósito de não falar na minha festa de anos mas… já que hoje faço anos!… deixem-me ser o centro das atenções!…

Obrigado a todos os que ao longo destes três anos foram espreitando, lendo e vendo e, sobretudo, comentando. Vai em trinta mil visitas e tantos comentários sem que algum, alguma vez, tenha sido minimamente inconveniente.

Nota: Continuo orgulhoso por pressentir que nenhum xuxalista, seguidor ou eleitor, por aqui pára ou aqui se sente bem.

44 comentários:

O Guardião disse...

Parabéns a Sua Majestade e venha de lá um champanhe, pode ser até um espumoso, porque como já deu para ver, eu encharquei-me um pouco, mas de forma medicinal (?) para curar uma gripe.
Que conte muitos e que eu veja.
Cumps

salvoconduto disse...

Então parabéns e bora lá a mais um ano!

Pata Negra disse...

Guardião,
ora! Ainda não há melhor remédio para essas coisas que vinho quente ou aguardente! Estou a estudar a viabilidade técnica de podermos partilhar gastronomia na rede.

Salvoconduto
Este ano não existe, é uma espécie de ano zero. O melhor será mesmo congelá-lo e vivê-lo/ acrescentá-lo ao fim das nossas vidas.

Camolas disse...

Longa vida ao Rei!!

Pata Negra disse...

Longa Vida?! Não como yogurtes, só fruta da época e bolota caseira!
Um abraço de aquém Tejo

antonio - o implume disse...

Lendo a nota final, afirmo que mesmo assim não me sinto muito seguro por aqui... e a minha reivindicação de um copinho de vinho, a acompanhar a sandes de leitão, nunca foi atendido. A ASAE devia visitar esta baiuca...

Um abraço e contes muito mais, nem que seja a dizer a mesma coisa!

quink644 disse...

Parabéns pelos 3 suínos anos e o meu desejo é que o verdadeiro suíno não nos consiga ensuinar mais 4 na pá...
Contudo, estou a ver a coisa muito negra... e infelizmente não é pata...

Anónimo disse...

Apesar de anónimo, também lhe venho desejar os Parabéns e dizer-lhe que pelas vezes que por aqui tenho passado me tem interessado mto ler o conteúdo.Tenho saudades de ler os quartos rs.O toucinho pouco importa, pois de si também se extrai boa xixa, assim como linguiça, chouriço e boa farinheira. Vou deixá-lo com um belo texto, serve para dar umas risadas neste simbólico dia.Um forte abraço no seu dia.
Luis


Que nos espera em janeiro? vamos lá descontrair rssss

Em Janeiro sobe ao outeiro; se vires verdejar, põe-te a cantar,

se vires Sócrates, põe-te a chorar.

Quem vai ao mar avia-se em terra;

quem vota Sócrates, mais cedo se enterra.

Sócrates a rir em Janeiro é sinal de pouco dinheiro.

Quem anda à chuva molha-se; quem vota em Sócrates lixa-se.

Ladrão que rouba a ladrão tem cem anos de perdão;

parvo que vota em Sócrates, tem cem anos de aflição.

Gaivotas em terra temporal no mar;

Sócrates em Belém, o povinho a penar

Há mar e mar, há ir e voltar;

vota Sócrates quem se quer afogar.

Março, marçagão, manhã de Inverno tarde de Verão;

Sócrates, Soarão, manhã de Inverno tarde de inferno.

Burro carregando livros é um doutor;

burro carregando o Sócrates é burro mesmo.

Peixe não puxa carroça; voto em Sócrates, asneira grossa.
Amigo disfarçado, inimigo dobrado;

Sócrates empossado, povinho atropelado.

A ocasião faz o ladrão, e de Sócrates um aldrabão.

Antes só que mal acompanhado, ou com Sócrates ao lado.

A fome é o melhor cozinheiro, Sócrates o melhor coveiro.

Olhos que não vêm, coração que não sente,

mas aturar o Sócrates, não se faz à gente.

Boda molhada, boda abençoada;

Sócrates eleito, pesadelo perfeito.

Casa roubada, trancas na porta;

Sócrates eleito, ervas na horta.

Com Sócrates e bolos se enganam os tolos.

Não há regra sem excepção, nem Sócrates sem confusão


Então não é que é tudo verdade!!!

Pata Negra disse...

António Implume
Hoje em dia um homem já não se sente seguro em lado nenhum, nem mesmo debaixo do trono. Quanto ao copito com a sandes, é tudo uma questão de fé, se acreditares mesmo, agora mesmo podes realizar o teu desejo:
-Retira os olhos do monitor, abre a boca e olha para o tecto! Não te engasgues!
Vês! Basta acreditar! Que dizes da pinga?!...
Um abraço longe de Nova Iorque

Pata Negra disse...

Quink644
Muito obrigado e acredita sempre. Mesmo que estejas convencido que os porcos acabam sempre por triunfar lembra-te que ser porco não custa nada, o que custa é ser porco com nobreza! E isso é possível, basta que recuses ser um porco de pocilga alimentado com farinhas e sejas um porco dos campos alimentado com bolota - se o fizeres toda a gente respeitará as tuas patas negras.
Um abraço e toma lá uma fatia

Pata Negra disse...

Anónimo Luís
Agradeço as tuas visitas mesmo anónimo. Não tenho medo de anónimos. Prá semana conto iniciar um novo folhetim.
O Sócrates é o homem dos ditados, não só destes mas também dos outros: nunca escreveu nada, tudo o que diz é-lhe ditado.

Um abraço - sempre bem vindo quem vier por bem

mescalero disse...

Não sei como consegue resistir o rei dos leitões a três anos no meio de tanto carnívoro, mesmo com o tal perigo do colesterol, mas pronto. Um leitão bem besuntado é difícil de agarrar, deve ser por isso. Então neste aniversário ofereço-te um frasquinho pequenino (por causa da crise) de óleo de amêndoas.

Então muitos parabéns caro Pata Negra.

abç

Pata Negra disse...

Mescalero
há três anos a reinar sem ser comido graças à guarda real de amigos como tu - no real palácio haverá sempre um salão para libertários.
Obrigado pelo frasco de amêndoa amarga, já o bebi!... o quê?! era óleo?! e agora?! - já sei, vou vomitar outra vez!
Um abraço e uma costela de leitão

Tiago R Cardoso disse...

Os meus parabéns pelos três anos.

Eu diria que seria só com agua é que a medicação para a gripe não me deixa tomar mais nade.

E nem uma sandocha, a febre só me permite sopa.

Um no seu trono festejam, outros na sua cadeia sofrem.

Força que eu, fiel Fidalgo da corte com insígnia e tudo, cá estarei sempre para ler.

Pata Negra disse...

Fidalgo Tiago,
vai pela receita do rei: vinho quente bebido por uma bexiga de porco - não há gripe que resista.
Libertem o D.Tiago R Cardoso

Nocturna disse...

Magestade,
Sou sua súbdita, ainda não há muito tempo, mas passar perto do seu Trono é sempre razão de alegria , por encontrar um Rei com coluna vertebral. Venham daí os anos que vierem , mais 3 ou mais 300, aqueles que lhe derem prazer.
Gosto de Champagne, portanto : hip! hip! hurra !
P.S. Também não desprezo o vinho quente.

Pata Negra disse...

Nocturna,
Tlim! Tlim! Um brinde! (Cuidado com a toalha!). Bem vinda à festa da corte! 300 anos pode ser difícil para um reinado mas é muito possível numa dinastia (Cala-te príncipe! Não vês que o pai está a escrever pró blogue!).
Um abraço e divirta-se, a festa é nossa!

Zorze disse...

Pata Negra,

Também tens o hábito de fazer anos todos os anos! Parabéns!

Ficamos a aguardar novas séries.

Abraço,
Zorze

Pata Negra disse...

Enquanto não fizerem com a minha carne uma matança, dia 6 de Janeiro, Dia dos Reis, farei anos!
Então e não bebes nada?!
Um abraço e prova a mousse, está muiot boa!

alberto cardoso disse...

Majestade!
Não tem perdão eu não recordar o exacto dia em que Sua Alteza Real decidiu partilhar com as pessoas comuns os seus pensamentos e as suas ideias, as suas raivas e os seus desencantos, o seu humor e os seus desamores, tudo em textos perfeitos, impecáveis, únicos, inigualaveis.
Os meus sinceros parabéns pelos três anos de vida do Rei. E que conte muitos mais para bem de Sua Majestade e dos que têm o previlégio de conhecer este cantinho da imensa blogosfera.
É meu hábito, uma vez por outra, deixar aqui um comentário. Reconheço, "a posteriori" que muitos deles pecam por inoportunos ou exagerados. Não prometo emendar-me; só prometo continuar a comentar até V. Majestade o permitir.
Renovo os meus parabéns.
Cumprimentos para Sua Alteza Real, sua Realíssima Esposa (sem ofensa, claro)e para os Infantes.
Alberto Cardoso

MARIA disse...

Sem sombra de dúvida este blog fez a sua marca na blogosfera.É inconfundível este sinal.
Muitos parabéns, Majestade.
Para si , para o seu blog:
http://www.youtube.com/watch?v=-lbHrQFXCgk
Ao reino, aos seus, aos seus amigos e amigas ergo a taça imaginária da fantasia, nesta realidade que tão eficazmente descreve e recria, para lhe desejar uma Festa Feliz !

Pata Negra disse...

Alberto Cardoso
Vossa Excelência não é um fidalgo, é um servo da corte e, talvez por isso, não tenha recebido a ordem do comentador. Contudo, reconheço-o como um dos mais antigos e ilustres conselheiros de minha majestade. Sim, por vezes é inoportuno e exagerado como por exemplo quando sobe para cima da mesa e começa a recitar o manifesto anti-sócrates. Gaita, já bebi demais! Vou acabar a recitar a Ceia dos Cardeais!
Inoportuno e exagerado!? Beba mas é mais umas taças, coma mais umas cabeças de leitão e acompanhe o monarca da bolota até de madrugada.
Três anos de reinado já cá cantam!
Um abraço de minha alteza real, dos infantes e da rainha nada

Pata Negra disse...

Maria,
estava a ver que não me honrava a festa com graça e a presença da fidalga mais fidalga da corte!
Ergamos as taças com um brinde à Maria.
Um abraço realmente real

al disse...

Quando um Rei trata um servo por Vossa Excelência é porque exagerou... na bebida. Nem quero imaginar as dores de cabeça que Sua Majestade vai ter amanhã quando acordar! Alkaseltzer, dizem, dá um resultadão.
Bons sonhos Majestade. (Lá estou eu a asneirar!)
Alberto Cardoso

Pata Negra disse...

Pronto, obedeço ao servo:
onde se lê "Vossa Excelência não é um fidalgo" deve ler-se "Compadre, você não é um súbdito, é um sobredito"
Já agora aproveito, vá abrir mais um túnel!...Não me vá agora dizer que túnel se escreve tonel!?
Um excelente abraço

ruy disse...

Parabéns e até sempre,
ruy

Pata Negra disse...

Maria,
já estou enfeitiçado?!

Ruy
Até sempre não, não te vás embora ainda! Até já! Ah! Vais ao WC?!

Um abraço em dia de festa

Jorge P.G disse...

MUITO BOM, Ó KING!
HOje, quem deu a melhor prenda foste tu !

Qee continues por muitos e bons com a mesma garra, inteligência e desassombro. Que um país não se faz com ratos.

Um grande abraço de um humilde mas honrado sineiro.

Pata Negra disse...

Jorge P.G
Toquem os sinos a rebate que hoje a festa é nossa! Prometo-vos (ao contrário dos outros) um 2009 de progresso, felicidades e propriedades!
Sineiro, bebo lá um drink, oferece o King!

Jorge P.G disse...

Acho bem, pá, mentir por mentir... então que se engane prometendo felicidades e muitas propriedades! Tens toda a razão.
E já sorvi o drink, À NOSSA!

P.S.(salvo seja!)- Estás desobrigado de responder a esta.

Fliscorno disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fliscorno disse...

Olá Pata Negra. Fizeste três em linha (há uns tempos que procurava usar este trocadalho lol). Parabéns e toma lá para desembrulhar:
http://fliscorno.blogspot.com/2009/01/rei-dos-leittes.html
Jorge

MARIA disse...

Não diga Majestade que por suas terras o feitiço também se volta contra o feiticeiro...

Seja como for, a culpa é do Governo !

Beijinho amigo.

MARIA disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marreta disse...

Eh pá 3 anos! Isto é motivo para festança da grossa. É preciso matar um porco e tudo!
Apesar de cá ter chegado atrasado - ando sempre atrasado em tudo, até na mente - deixo aqui os meus parabéns e votos de que para o ano cá estejamos para matar mais um porco.

Nota: quanto à nota, nota que és capaz de ter por cá muitos xuxialistas camuflados, embora se calhar não deixem comentários, eles andam aí...

antonio - o implume disse...

Este homem anda a ver muitas entrevistas do Sócrates...

Charlotte disse...

Parabéns Alteza! Três anos de vida é muito. Passa a ter o estatuto e a responsabilidade de instituição. Só não percebo a necessidade de manchar esta nobre data com referências ao Sócras, quando os holofotes deveriam estar todos centrados em Si. Todo o Governo é uma máquina de propaganda, não precisa de ajuda...

Pata Negra disse...

Marreta
Ainda há por aqui uns ossos para escranfunchar e ficaram alguns copos meios - serve-te!
Quanto aos xuxialistas não me acredito que por aqui andem, são sádicos mas não são masoquistas!
Um abraço na ressaca

Pata Negra disse...

António
este homem, qual? eu não! entrevistas de sócrates?! Fócrates!

Pata Negra disse...

Charlotte
Não serão três anos vida que me farão responsável! Eu não sou responsável por nada! Eu nem sequer vi o acidente!....
Quanto ao Sócras, nem vivo, nem morto, ele não é deste Reino.
Um abraço e um bocado de bolo com tinto

Margarida disse...

Parabéns!!!
Abraço,
M.

Pata Negra disse...

Obrigado!!!
Abraço,
A.

polidor disse...

parabens pela persistência e cuida sempre bem dos tomates.

abraço

joshua disse...

Venham daí esses ossos. Parabéns. Deves ter os chispes chamuscados das velas a arder.

Abraço sem festinhas.