sexta-feira, 29 de maio de 2009

Leitão à sexta


"Não é tão incomum assim Quando as coisas parecem tão belas. É apenas mais um simples milagre que acontece hoje. O céu sabe quando é tempo de nevar, E não é preciso ensinar uma semente a crescer. É apenas mais um simples milagre que acontece hoje. A vida é como um presente, costumam dizer, Que é embrulhado pra você todos os dias. Abra-o e descubra Como doar um pouco de si ao mundo. Não é extraordinário, Como toda vez que cai um pingo de chuva? É apenas mais um simples milagre que acontece hoje. Pássaros e invernos têm seus próprios vôos, Mas sempre se sentem em casa na primavera. É apenas mais um simples milagre que acontece hoje. Quando você acorda, todo dia. Por favor, não jogue seus sonhos fora. Segure-os firmes contra o peito, junto ao coração, Pois todos fazemos parte De um milagre comum. Um simples milagre... Você quer ver um milagre acontecer? Parece tão maravilhoso... As coisas simplesmente acontecem. É apenas mais um simples milagre que acontece...
Hoje não há insígnias nem prémios de javardice, há apenas este presente de Maria!

8 comentários:

lili canecas disse...

Majestade!
Que belo presente. Estou comovida.

salvoconduto disse...

Você quer ver um milagre acontecer?!!
Claro que queria, por exemplo os culpados dos casos Freport e BPN serem engavetados... Já estou a pedir demais não é? pronto, eu vou a Fatima...

MARIA disse...

Majestade, efectivamente há momentos em que nos faz bem notar os "pequenos milagres" das nossas vidas.
Vivemos num País ferido por tantas dores de carácter social, económico. A política continua a mostrar-nos quão ignóbil pode ser a condição humana...
Então é cada vez mais importante olhar para dentro, plantar nos corações o simples milagre da pacificação das consciências e retomar o caminho para construir melhor futuro.
Obrigada pela partilha.

Um bom fim de semana para si e todo o reino.

Um beijinho amigo.

Maria

mfm disse...

Obriga por partilhar connosco este presente da Maria.Bom fim de semana Majestade.

antonio - o implume disse...

Nunca pensei ver-te num carrinho de bebé! Confesso que fiquei emocionado e desculpo-te a pieguice do post!

Meg disse...

Caro Pata Negra,

Este teu post é desconcertante... vinha à procura de javardices e tu fazes-me comover... que se passa?
Espero que, embora tenha gostado muito do teu presente, te recomponhas e voltes ao registo o que nos habituaste...
Sinto-te mal disposto, triste, sei lá!
Mas deixo-te um grande abraço

MARIA disse...

Pronto Majestade, aqui fica outro registo...
bom... bom... booo ooo
http://www.youtube.com/watch?v=I7hl5OL8Who

:-)

Beijinhos.

samuel disse...

Boa!