sábado, 2 de julho de 2011

A visão deles

Num Estado laico não tem sentido o subsídio de Natal.

3 comentários:

maceta disse...

pois é... têm que mudar o nome para não sermos gamados.

abraço

do Zambujal disse...

O que vale é que o Estado é só meio-laico.

E o problema é sermos só meio-loucos. Devíamos ou tudo ou nada... loucos.

Um abraço

Zé Marreta disse...

Como estado plural, há que instituir o subsídio de Ramadão, o subsídio do novo ano lunar e o subsídio Budar.

Saudações!