quinta-feira, 9 de abril de 2015

Afinal onde é que pára a massa?

Afinal onde é que pára  a massa?
No cofre ou na almofada?
Como sofro de claustrofobia vou mas é para a cama!

Ah Maria! Ah Luís! Ah Albuquerque!
Tu não tens dinheiro no cofre, nem na almofada!
Tu tens o nosso dinheiro num banco roto!
Mas como eu não me fecho contigo,
não me deito contigo,
nem me sento contigo,
estou-me cagando para as tuas metáforas!

Estou teso! Não por tua causa mas pelas tuas causas!
Olha! Vai-te foder! Metaforicamente falando!... Claro!
Sabes o que tu és?!
(porque o discurso de hoje já não foi "os cofres cheios" mas a "almofada financeira")


3 comentários:

Rogerio G. V. Pereira disse...

Olha!...
A malvada é sextavada

JFrade disse...

Eis a Porca!
Que pouco préstimo tem se não tiver o compatível Parafuso.
O conjunto é que aperta, aperta, aperta...

cid simoes disse...

Será agora que a porca vai torcer o rabo? A porca!...