sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Esquerda 1- Direita 0

Ando com uma mania das parábolas, talvez inspirado pela minha formação biblíca, que me dá para isto. E logo eu, que não vou em futebóis! Mas quando está em jogo Portugal!... Pronto, talvez o título do texto pudesse ser - Portugal 1 - Alemanha 0 - mas também já não o vou emendar porque o paralelo que se pode fazer é óbvio.

Estou em frente à televisão com os meus companheiros, sem a certeza da vitória certa, sem saber se o 1-0 permite o apuramento, mas estamos contentes. Estamos contentes porque o duelo é histórico, porque a cara de pau dos sempre vitoriosos nos contenta, porque o árbito (sistematicamente vendido ao adversário) mostra os seus dois tristes cus  (o do medo e o da cara) desenvergonhados.

Quando se assiste assim a um jogo com uns companheiros, bebem-se uns copos, partilha-se a alegria.
Se a bebida for boa ou bebida com moderação, amanhã continuaremos normalmente a nossa vida.
Diz-me um dos convivas que estamos a fazer muitas misturas. Aconteça o que acontecer esta festa já ninguém nos tira. Mesmo que dê ressaca já valeu a pena. Nada que não se cure com uns caldos de galinha.

4 comentários:

Zé Povinho disse...

2-0 seria mais apropriado porque com o caso VW a Alemanha ficou mesmo com as calças na mão...
Abraço do Zé

Anónimo disse...

Olha, como dizia o treinador do Seiça... "subam, ao menos espalhem-se!"
E não marquem golo na própria baliza, acrescento eu.
Acrescento segundo, tragam a maca que árbitro está para dar o badagaio. Indo de encontro à tua formação teológica... isso é que era intervenção divina. O badagaio do cara de cu.
Abraço Vilão

Rogerio G. V. Pereira disse...

Mesmo que a ressaca seja pesada...
Valeu
Que se lixe o resultado
Quem ganhou ou quem perdeu

zambujal disse...

BOA... metáfora.
(Está bem dito?)