terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

Apagão Mundial a 29 de Fevereiro

Escuridão mundial:
No dia 29 de Fevereiro de 2008 das 19:55 às 20:00 horas (horário de Portugal) propõe-se apagar todas as luzes e se possível todos os aparelhos eléctricos, para o nosso planeta poder 'respirar'.
Se a resposta for massiva, a poupança energética pode ser brutal.
Só 5 minutos, para ver o que acontece.
Sim, estaremos 5 minutos às escuras, podemos acender uma vela e simplesmente
ficar a olhar para ela, estaremos a respirar nós e o planeta.
Lembrem-se que a união faz a força e a Internet pode ter muito poder e podemos mesmo fazer algo em grande.
Passa a notícia.

8 comentários:

Meg disse...

Uma ideia vinda de uma mente luminosa para pôr o planeta às escuras.
'Bora lá árrajar as velinhas!

Um abraço

Meg disse...

RecalcalCRITante ?
Que giro, já me chamaram muitos nomes, mas este é o mais original e difíci de pronunciar eheheh!

Um abraço, na mesma

joshua disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
joshua disse...

Não só vou apagar tudo, como vou suster a respiração e, caso tenha peido, contê-lo-ei também embevecido de amor pelo nosso Pobre Planeta Esmifrado pelas EDP e as GALP's do Mundo: nesses cinco minutos de ouro, quanto toda a luz à minha volta estiver apagada, que não se me saia Gás de espécie nenhuma!

PALAVROSSAVRVS REX

Anónimo disse...

Será que estou enganado? É que estou convencido que as velas acesas libertam gases de estufa. Se é assim perde-se parte do impacto pretendido. Eu vou ficar completamente às escuras. Também são só cinco minutos... E, além disso, a escuridão não me mete medo. Sou defensor da máxima: quando se não vê, apalpasse...
Alberto Cardoso

P.S. Declaro solenemente que esta observação não pretende prejudicar o negócio do Santuário de Fátima.

Raposa Velha disse...

Poética a ideia mas realmente a não seguir. A energia é produzida a um ritmo que se espera estar enquadrado dentro de certos limites estabelecidos. Um apagão destes, em larga escala, geraria uma sobrecarga com danos superiores a hipotéticas vantagens. Que tal um reactor nuclear rebentar? Não deve ser muito saudável para o ambiente...

Já as pequenas mudanças, como desligar o computador no trabalho, não deixar os carregadores permanentemente na ficha ou não usar o carro para ir ao café geram poupanças sustentáveis.

Mas estamos no blogoesfera, vale tudo ;-)

Marreta disse...

Estou de acordo. É preciso conciencializar, no entanto ainda há por aí muito boa gente neste país que não sabe o que é uma lâmpada.
Saudações do Marreta.

Watchdog disse...

Um jantar blogósferico à luz de vela até que não é mal-pensado!
Pena é que não possas... Mas haverão mais oportunidades!

1 Abraço!