quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Mensagem de Natal de Sua Majestade

Súbditos e súbditas,
O Natal não é um direito nem um dever, não é um presépio nem um acto de fé, não é comer nem comprar, não é dar nem receber, não são cartões nem luzes a apagar e a acender.

O Natal não são pais, nem mães, nem meninos, nem meninas, nem burros, nem vacas, nem perus, nem porcos, nem coelhos. O Natal não são estrelas nem ministros, nem dó nem caridade, nem mensagens de boas festas de gente que se julga dona do nosso destino – já me estou a passar! – Avé José! Avé Maria! Avé burro! Avé vaca! Avé peru! Avé bacalhau! Avé coelho! – já me estou a passar! – Pedro vai-te!... – já me estou a passar! Amor desliga-me essa porra do noticiário! Lá se foi a presente mensagem de Natal! Se calhar o Natal é tudo aquilo que eu disse que não era! Não sei o que é o Natal, é muito esquisito. 
- Muda para o dois que estão a dar bonecos!
- Os chineses compraram a EDP!

"Portugueses e portuguesas,
sei que o vosso Natal não vai ser grande coisa, aproveitem! Para o ano ainda será pior: mais desemprego, mais exploração do trabalho, menos serviços, mais multas, mais taxas, mais impostos, menos democracia. E então daqui a 20 anos!...
Portugueses e portuguesas, em verdade, em verdade vos digo: isto vai ser um dos piores lugares para viver no mundo! Um conselho: vazem! desandem! emigrem!..."

Já estou passado: pareceu-me ouvir em fundo a mensagem de Natal do menino Pedro!
- Muda-me isso para a Casa dos Segredos!
Daqui a 20 anos, menino Pedro, o menino já passou à história! Sabe menino, se estudasse mais um pouco aprenderia que a história não é assim tão linear como supõem aqueles que a querem desenhar!
Só para contrariar os teus desejos vou passar um Natal do caraças e vou ter um próximo ano de luta até mais não!
Avé burros! Avé vacas! Avé porcos! Ah! Já me lembro! Eu, Rei dos Leitões, estava para deixar uma mensagem:

12 comentários:

mfm disse...

Não venho agradecer o que V.M. me desejou. O meu Natal é mesmo impossível. Não há presentes, familiares partiram para não voltar, outros constituíram novas famílias. O natal sempre foi para mim a festa da família vivida com muita alegria.
Desejo sinceramente que o rei tenha um bom Natal junto de quem ama e que pelo menos por uns dias festeje o prazer da amizade, venha ela de onde vier - é assim que penso.Um abraço, e um Feliz Natal! mfm

O Guardião disse...

Mensagem recebida e compreendida. Boa ceia de Natal e melhor companhia.
Cumps

cid simoes disse...

Então e as renas? Será que o papai já as papou?

Fernando Samuel disse...

Por um Natal do caraças e um ano novo com luta até mais não.
Um abraço grande.

maceta disse...

Vou comer leitão assado ...
Abraço e saúde

quink644 disse...

Os porcos estão a salvo. Comerei bacalhau, perú e mais algumas coisitas...
Desejo-te um Bom Natal e que em 2012 consigamos fazer algo para coser os bolsos, as mãos e as bocas à corja que para aqui anda a dar cabo de nós.

D"SUL disse...

Meu caro amigo Pata Negra, aqui no sul já marcha tudo o que mexe e o que não mexe é a crise, ou a aproximação dos chineses....mas sem duvida alguma das nossas preferências esteja o amigo descansado que serão Coelho a passos largos… e digo mais, “Leitões” "Jámé""Jámé"…..
E ao amigo desejo sinceramente que the King tenha um bom natal junto de quem mais gosta, um abraço D”SUL…..

Kruzes Kanhoto disse...

Um bom Natal para o Pata Negra e toda a sua família!

jrd disse...

Que nunca a inspiração te falhe para continuares a luta no Natal e quando calhar.

Abraço

Maria disse...

Peço desculpa a VM, mas deu-me uma coisinha má, mandei o bacalhau pró caraças e fui comprar leitão. Pronto!

Abraço

MARIA disse...

Eu não !
Não fui comprar leitão, apenas passei por vossas terras reais e decidi deixar um beijinho amigo.

Continuação de BOOOOM NATAAAAL e novo ano muito especial.

Maria

do Zambujal disse...

Esta mensagem, sim!
É assim a modos de massagem às meninges.

Abraço do fiel súbdito não submisso