sexta-feira, 14 de março de 2008

Leitão à sexta

Tirado daqui
Talvez alguns ainda não tenham reparado mas estamos na quaresma! Eu não me esqueço das quaresmas que atravessaram o meu crescimento, das cinzas, da Semana Santa, das sextas feiras. Reparei agora, eu devia de ter interrompido a rubrica - será uma rubrica??? - do "Leitão à sexta" - é quaresma! Mas em nome da aproximação das civilizações deixo aqui a imagem.



10 comentários:

O Guardião disse...

Poupem os leitõezinhos! Afinal ainda bem que há quem esteja impedido de comer atal carne impura, dos animais de pata rachada, amenos que mortos em ritual apropriado.
Nós ficamos a ganhar que a carninha é muito boa se alimentada a bolota.
Cumps

samuel disse...

Bom cartoon! Com o calorzinho que hoje faz por aqui, já começa a saber bem um Alá Fresquinho.

david santos disse...

Às sextas sim, mas ao meio dia e à noite.
Parabéns.

Alberto Cardoso disse...

Eu pago todas as bulas e indulgências necessárias para poder comer o que me apetecer durante a quaresma. E, pelo sim pelo não, confesso-me sempre no domingo de Páscoa ficando assim com o contador de pecados a zero e com a salvação garantida.(Também ofereço uma galinha do campo, bem gordinha, ao padre da paróquia, não vá o diabo tecê-las...)
Quanto ao boneco de hoje, parabéns ao Rei. Se eu fosse leitão não faria melhor. Mas fez-me pensar: se os milhões de muçulmanos de todo o Mundo pudessem comer carne de porco, um naco de leitão custaria par aí tanto como 100 gramas de caviar. Bolas...
Alá está connosco!!!
Alberto Cardoso

Compadre Alentejano disse...

A minha família, por principio ancestral,obedece às regras da religião cristã. Eu sou a tal ovelha, isto é bode, ranhosa que não cumpre tal preceitos...
De qualquer modo, uma excelente Páscoa para todos.
Um abraço
Compadre Alentejano

Maria disse...

Que porquinhos espertíssimos Majestade.
Ainda temos, os humanos,a ilusão de que os racionais somos nós ...
O paralelismo é excelente : de facto se calhar faz o mesmo sentido para os mulçulmanos não comer carne de porco, como fará para nós todo o ritual da quaresma.
No fundo, no fundo, é tudo uma questão de crença. De fé.
E tal qual nos gostos,na fé, todos valem pelo menos o direito ao respeito.
Um beijinho amigo e não coma muito cherne :)
Maria

Pata Negra disse...

Maria,
há uns posts atrás, cá por coisas, determinei só responder a quem me tratasse com a devido trato de Majestade, enfim, brincadeiras úteis para a escassez do tempo blogosférico. Respondo-lhe, não só por isso, não só por ser a Maria, mas porque acertou no coração do porco, no caso da mensagem: pensando bem não estamos assim tão longe deles, com um esforço é possível não os deixarmos sós!
Vivam os porquinhos que têm rei!
Um abraço do reino onde há só uma Maria

Mocho-Real disse...

Vá de comer pexinho que é bom e bem carinho! :-)

um abraço.

Marreta disse...

O Islão, o teu paraíso prometido!

AJB - martelo disse...

mas, as febras sr...são tão saborosas com colorau...