sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Leitão à sexta

Ora cá estou eu, como habitualmente, procurando desculpas de mau pagador, sem assunto, guardador de sextas-feiras, tentando inventar formas de servir o leitão, ao computador de todas as fugas e todas as respostas, num tempo em que tudo me roubam, até as palavras da boca.

Da esquerda para a direita: eu, o que me olha, o que me liga, o que me pinta, o que me ignora, o que me acarinha.


Sei que o tema da semana foram os professores e a educação. Estou lúcido demais para repetir palavras ditas, para discutir com os doutores do templo, para abrir o saco das soluções.


Em cima e redondo: o professor. Em baixo: este e mais este, o outro, a outra, aquele e aqueloutra.


Dizem que a ministra é um dinossauro que brinca, eu reajo-lhe assim:



Atribuio da Insígnia da Ordem do Comentador da Semana


Esta semana a insígnia vai para o Joshua do Palavrossavrvs Rex. Já nem me lembro de quando e como nos aproximámos mas sei porquê. Joshua vem à Corte tão desigual todas as noites, quão natural é nos seus diferentes dias. Às vezes advinho que entra mudo e sai calado, outras vezes vem só cumprimentar sua majestade, o Rei. Mas, de quando em vez, faz jus ao título que agora se lhe impõe, por provocação ou provocado, sem dó nem piedade, terno e manso e zás: inventa as palavras - espeta-as; expele as ideias e passa-lhes a mão pelo pêlo.

Muitas vezes o resultado é que o comentário deixa de o ser e tranforma-se num segundo post.

(Falei demais?! Não me batas! Mas também não me passes a mão pelo pêlo!)

11 comentários:

Tiago R Cardoso disse...

muito bem atribuído.

polidor disse...

ó Pata estás mesmo com a mania de que és mesmo rei...

abraço e sais de fruto para o Dino

Zé Povinho disse...

Um excelente comentador, merecedor da insígnia.
O vídeo está excelente e, felizmente neste caso, estou constipado, pelo que me safei!...
Abraço do Zé

lili canecas disse...

Excelente vídeo. Sua Alteza estava inspirado. Será que a ministra tem a ver com toda essa inspiração.
Total desprezo para com a ministra ou foi o malfadado cheiro, a porco, que a destronou.

São disse...

Boa opção de prémio.
Bom fim de semana.

antonio - o implume disse...

Pois esta quinta o Implume e o Tiago atiraram-se com bravura a um rodízio de picanha, faltou o Josh. Julgo que da próxima temos que convidar sua Majestade...

Quanto à insígnia atribuída, o Josh adora este tipo de mimos, a mão pelo pelo, no caso dele resulta...

Compadre Alentejano disse...

Prémio bem atribuído.
Agora, vamos todos as leitão do Pedro, na Mealhada.
Um abraço
Compadre Alentejano

Marreta disse...

Antes de mais parabéns ao Palavrossauros Rex, que provavelmente não quererá nada com a dinossaurus Rodrigues.

Quanto ao tratamento reactivo, é de choque, eficaz e aconselhavel para estes tipos de pragas. E não é tão prejudicial ao ambiente, como por exemplo o Dum-Dum.

Saudações do Marreta.

Jorge P.G disse...

Olá cá estou eu!

Ao sábado, para comer os restos do leitão de sexta, mais tostadinho como gosto.

Quem dera que esta dragona acabasse assim...

Gostei muito dos recos todos!

Um abraço e bom fdsemana.

AH! Parabéns ao teu novo comendador, que não conheço, mas que deve ser "boa gente", nada daqueles "patos bravos" da construção civil, lembras-te, que eram todos "comendadores".
Eh, pá, conheci que um que aD. Comendadora se virava para afilha de uns 6 ou 7 anitos e lhe dizia: "Ó... tira-me esses pintelhos de cima da mesa!" Ahahahahah!... ERA SÓ FINESSE!...

samuel disse...

"num tempo em que tudo me roubam, até as palavras da boca"

Nem mais! Exactamente por isso, volta que não volta, surpreendo o sossegado público, cantando esta cantiga algo violenta (musicalmente) com palavras de Jorge de Sena e música de um tal de José Afonso.
Como não a posso aqui cantar... ficam os versos.

Abraço.

"Epígrafe para a arte de furtar"

Roubam-me Deus
outros o diabo
Quem cantarei ?
Roubam-me a Pátria
e a humanidade
outros ma roubam
Quem cantarei ?
Sempre há quem roube
quem eu deseje
e de mim mesmo
todos me roubam
Quem cantarei ?

Roubam-me Deus
outros o diabo
Quem cantarei ?
Roubam-me a Pátria
e a humanidade
outros ma roubam
Quem cantarei ?
Roubam-me a voz
quando me calo
ou o silêncio
mesmo se falo
Aqui d'El Rei !

joshua disse...

Atteza, Tesa-em-vão-com-Gina, [pelo menos, concedamos, que o foi e é o narrador homodiegético: sádica e debalde entusado], obviamente que aceito a comenda, a insígnia, e rendo-vos, desde logo, grato o salamaleque do braço e da perna em vénia.

Este meu afecto afinidade pelo Reino dos Leitos e dos Leitões talvez se escave e descubra lá longe, como o Menino do Lapedo, no passado das escritas...

E agora interrompo que a recém-nascida está com gases e tenho uma técnica que me tem dado belas noites de sono.

Tenho de lhe passar a mão pelo pêlo e pelo ânus para seu alívio deleitoso.

Um Abraço aristocrático.