sexta-feira, 3 de julho de 2009

Leitão à sexta


A notícia?!:
Leitão da Bairrada faz furor em Wall Street
Se a maioria das cidades portuguesas tem monumentos em homenagem a heróis locais, a Mealhada é um pouco diferente. Em vez de um navegador ou poeta a dar as boas vindas aos visitantes, há à entrada da cidade um monumento com um pequeno leitão.
É assim que o "Wall Street Journal" começa um plano de duas páginas dedicado a esta especialidade portuguesa. No dia seguinte ao ministro da Economia português se ter demitido, é o leitão da Bairrada que está em destaque.
O "Wall Street Journal" sugere também o "Pedro dos Leitões" ou "A Meta dos Leitões", "O Picnic", "Churrasqueira Rocha" ou a "Floresta dos Leitões" e o blogue Rei dos Leittões.
Manuel Sócronos

As madammes de Bernardino


17 comentários:

Alberto Cardoso disse...

Olá Majestade
Li com a habitual veneração o seu escrito de hoje e, deixe-me dizê-lo, fiquei com a melhor impressão do "Wall Street Journal". Não pela referência aos restaurantes da Mealhada porque, sabem os apreciadores, não é nesses que se serve o genuíno leitão da região. Não! A razão da minha admiração reside na menção elogiosa que o dito "Journal" faz a este blogue, prova que está a par do que de verdadeiramente importante acontece no Planeta. Força Majestade! Continue a diliciar-nos com o seu Leittão a bem do leitão e de Portugal.
O servo
Alberto Cardoso

Pata Negra disse...

Ora essa Alberto, já estou habituado a ser citado. A princípio é estranho, a baba incomoda, mas depois aceitamos normalmente. Por acaso, fiz um copy da notícia e, se não fosses tu, nem tinha reparado na referência.
Um abraço e obrigado pela atenção

Albeto Cardoso disse...

Olá Majestade
O Sua explicação faz-me lembrar o antigo "spot" publicitário da Coca Cola: primeiro estranha-se, depois entranha-se.
Se percebi, são tantos os elogios a Sua Alteza Real que já o enfadam. Espero, Majestade, que saiba distinguir os sinceros dos dos lambe-botas que por aí abundam. Cuidado com esses! Os que vestem as roupagens adecuadas a cada momento. Os que lambem agora para morder logo a seguir.
Alberto Cardoso

antonio - o implume disse...

Só eu é que não consigo afiambrar-lhe o dente! Parece que sua Majestade não gosta de deslocar-se para além da soleira da sua porta! Detesta misturar-se com o povo!

martelo-polidor disse...

Rei Pata...
é o que faz ter os "coiratos" bem tostados... salvo seja.

abraço

Pata Negra disse...

António, nunca estive noutro sítio se não no meio do povo, quanto mais não seja porque também sou povo. Povo, mesmo povo, desse que nasce e morre na mesma aldeia e nunca vai à praia porque não tem calções e tem de tratar do gado.
Quando a saúde me permitir irei a Fátima a pé e então...
Um abraço leitão

Pata Negra disse...

Martelo
Também gostas de leitão?!
Um abraço do rei pata na fossa

MARIA disse...

Olá Majestade,
Essas madammes de Bernardino estão de matar por mais ...
Já tentei o comentário umas duas ou três vezes, mas releio o post e saio a rir ...
Se Vª Majestade não fosse Rei citado pelo Wall Street Journal seria a minha Sexta-Feira.
Sexta-Feira para mim é a antevisão da felicidade do descanso do fim de semana. Chegada a Sexta -Feira num país aonde poucos motivos existem para rir, Vª Majestade faz-nos sorrir...
Sempre brilhante, sempre bem.
Esses americanos afinal sabem o que é qualidade. Até deu vontade de provar um naquito de leitão da Mealhada.

Bom fim de semana.
Um beijinho amigo

Isabel Pedrosa Pires disse...

Olá Magestade

Eu como sou da Marinha Grande, gosto de uns leitões ali de perto de Leiria.Sabes onde é? Mas as Morcelas são as de arroz, fresquinhas com cominhos.
Amanhã vou para essas bandas comer umas morcelas.
Abraços.

Pata Negra disse...

Maria, no dia em que os americanos gostarem mesmo de leitão eu vou deixar de o comer: não quero ter nada em comum com eles.
Um beijo e bfs

Pata Negra disse...

Isabel
Leitão à Boavista, Café Central junto à Igreja é o meu preferido. As melhores morcelas de arroz é mesmo aqui à minha porta.
Um abraço sem colesterol

quink644 disse...

Bem sei que voltei a pecar e a pôr fronhas muito feias no meu blogue... Foi mais forte do que eu...
desculpa lá e corninhos para ti também... Viva o triunfo dos porcos, esses não foram demitidos...

Nocturna disse...

Mas enão que é isto ? Ninguém se indigna?
americanos a gostar de Leitão ? era o que faltava! O Leitão é nosso! Comam hamburguers e deixem o Leitão para gente civilizada como nós.
Não ao Leitão para os americanos !
V. Majestade tome previdências nesse sentido e segui-lo-emos.
sua humilde súbdita
Nocturna

Daniel Santos disse...

Eu vi logo que não podia faltar o blogue.

Compadre Alentejano disse...

É mau os americanos visitarem o Rei dos Leittões, pois não tarda que o queiram comprar... Põe-te a pau...
Um abraço
Compadre Alentejano

Mariazinha disse...

Vê lá que eu já tinha pensado emigrar para NY,comprar uma roulote
e em plena 5ªAv. começar a vender sandes de leitão,pasteis de bacalhau e um belo vinho verde.Havia a tambem alternativa não alcoolica,um belo suminho de laranja do Algarve.Para rematar em grande uns pasteis de nata.Ias ver que em pouco tempo fariamos séria concorrencia aos McDonalds.

Beijokas

mfm disse...

É o Leitão que irá salvar a economia. Embora a publicidade internacional proporcionada por Pinho seja um bom contributo para o turismo de diversão.
O Reino de V. Exª irá, como já está a ser, conhecido para todo o sempre,como um contributo para arrancar o país do adormecimento em que se encontra.

Saudações cordeais