sexta-feira, 26 de março de 2010

A caminho de Belém

Qualquer um se pode candidatar e as 7500 assinaturas são para impedir que se possa candidatar qualquer um.



Por acaso, entregues as assinaturas, alguém as vai ler, averiguar a sua autenticidade? O que fazem às resmas de papel? E porquê 7500 e não 750 ou 75000?

Não nos submeteremos às regras que o sistema impõe para nos excluir. Esta candidatura, porque é anti-burocrática, porque é amiga do ambiente e porque é tecnologicamente avançada, recorrerá a uma petição on-line apenas como forma de avaliar os seus apoios e exige de si própria apenas os subscritores que conseguir.
Se os tubarões da democracia se recusarem a inclui-la nos boletins de voto temos uma solução simples: acrescentaremos o nosso candidato e a sua quadrícula de forma manuscrita
Quero ver se terão a coragem de ignorar e considerar nulos milhões de boletins de voto que expressem a mesma escolha:
Pata Negra X

6 comentários:

opolidor disse...

Rei Pata
aconselho-te a falar com o almôndega ( o Rangel) e com urgência...
abraço

antonio - o implume disse...

Força!

O Guardião disse...

Se tentarem ignorar fazemos uma revolução.
O povo unido está farto de ser ...dido.
Cumps

Arrebenta disse...

Preciso de esporra morna de preto das obras!

Quero beber esporra de preto!

Mnham! Mnham, mnhamm!

Zé Povinho disse...

Eles vão fazer de tudo para evitar a concorrência, mas esta solução pode ser uma machadada na hegemonia do tacho.
Abraço do Zé

MARIA disse...

A brincar, a brincar tenho a certeza que ultrapassaria os 7.500.

Por mim é assim :
PATA NEGRA X
ou será y ?!... já não me lembro bem, mas que voto em si, isso é garantido e não se alterará nunca !

Um beijinho amigo

Maria