sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Que esperto que eu sou!

Apresentada como "a música que o Governo prepara para responder à camarada Deolinda", o tema "Que Esperto Que Eu Sou" é a divertida versão feita pelos Homens da Luta sobre os versos do - muito aclamado - original dos Deolinda.

7 comentários:

Dores disse...

Deolinda é a sério. Nunca gostei de palhaços e oportunistas...

Camolas disse...

"Há de tudo na vinha do Senhor"

O Guardião disse...

Eheheh! O Inginheiro ainda não comprou os gajos, mas já deve ter uns quantos autores de letras "espertas".
Cumps

MARIA disse...

Não deixa de estar interessante !
*
Vossa Majestade na descoberta de talentos é imbatível :)


Um beijinho amigo

Maria

Ferroadas disse...

Por muito que se diga destes gajos, têm uma coisa que os seus delatores não têm - tomates.

antonio - o implume disse...

E feito na rádio pública... os privados, pelos vistos, têm menos tomates.

a.marques disse...

QUE SEDE QUE EU TENHO

Sou da geração do velho tostão
Calças rotas na mão
Que sede que eu tinha

Sou da geração das magras vacas
Bacalhau ás lascas
Que sede que eu tinha

Sou da geração de sebo no pão
Morder o calo na mão
Que sede que eu tinha

Sou da geração que paga a dobrar
Cá os anda a aturar
Que sede que eu tenho

Sou da geração que sacode o ranho
Que lhes serve p´ró banho
Grande sede que eu tenho